Bom trabalho, Expresso!

O jornal Expresso resolveu renovar a sua secção online, criando um jornal vespertino e, como é habitual, fizeram merda. O David Rodrigues escreveu sobre os aspectos técnicos.

No meu caso, em Agosto tinha criado um feed RSS porreiro, que permitia ler artigos de opinião em qualquer leitor de RSS. Como é óbvio, agora já não funcionam. Sim, é verdade que agora têm qualquer coisa RSS, que ainda permite ler o 1º parágrafo do artigo, mas, lê-lo completo sem abrir o browser, é impossível.

Se o objectivo da reformulação era perder leitores, bom trabalho, esse objectivo foi atingido! Se não era esse o objectivo… bom, fica para a próxima?

Posto isto, vou reformar os feeds RSS e passar a ler o Expresso ainda menos.

DIY RSS

Como os feeds RSS dos nossos jornais são, normalmente, uma merda, criei, há uns anos, um para obter directamente os as edições em PDF do jornal OJE. Esse, está disponível aqui.

Como agora também há uns artigos de opinião do Expresso que gostava de ler e, para variar, os feeds não funcionam, criei mais um para o “A tempo e a desmodo”: aqui.

Foi tudo criado através do Feed43, e se alguém quiser mais algum do Expresso, basta dizer, pois torna-se bastante fácil depois de já ter um criado.