O meu irmão mais velho, neste momento em terras no…

The estimated reading time for this post is 22 seconds

O meu irmão mais velho, neste momento em terras norte-americanas, mandou-me este link dizendo que aprendeu mais sobre vinho português com ele, do que todos os anos em que cá esteve. E na minha humilde opinião (NMHO) é verdade, só tenho pena de ver tantos nomes estrangeiros ligados à vinicultura portuguesa. É o meu proteccionismo nacional em funcionamento, mas ao menos há alguém a trabalhar para o exportar. Sem mais demoras, o link.

Leave a Reply